blogINDIE 2006


Recap Fest 30/3

>> Da série "Juntinho é mais gostoso": rumores indicam que Wong Kar-wai está não apenas retornando às suas raízes chinesas para filmar um romance lésbico entre duas colegiais (limpando o paladar de suas últimas produções de língua inglesa, o já-filmado My Blueberry Nights e o problemático-agora-que-Nicole-Kidman-deu-pra-trás Lady From Shanghai; devemos lembrar que foi num momento de "limpeza de paladar" que Wong realizou um de seus filmes mais marcantes, Amores Expressos), como pretende realizar um episódio para mais um omnibus. Ainda é um rumor, mas como Wong era a melhor coisa de Eros, os fãs só podem esperar o melhor.

>> Da série "Juntinho é mais gostoso" 2: a pós-produção do omnibus Triangle (títulos iniciais provisórios: "Jigsaw" e "Iron Triangle") está a todo vapor. O projeto de 5 milhões de dólares é um filme contínuo (ao contrário do formato episódico convencional) no qual cada um baseou-se no roteiro do diretor que o antecedia para filmar o seu segmento. Tsui Hark assina o primeiro terço do filme, Ringo Lam o segmento intermediário e Johnnie To o terço final.

Mesmo parecendo que Hark pegou a vareta mais curta da proposta, nenhum dos diretores disse ao outro o que planejava filmar e nem pôde ver o material dos colegas (que compartilham, além do elenco, o diretor de fotografia, o editor e o compositor da trilha-sonora). "Triangle" acabou de ser submetido para o Festival de Cannes 2007, esperando ser aceito para a competição...

>> ENTRANDO EM CANNES 1: ...como um certo passarinho contou ao blog de Anthony Kaufman, num post intitulado "Onda asiática em Cannes?" O "passarinho" é Mike Goodrich da Screen Daily, que deu a entender que a presença asiática no festival será a mais forte em vários anos! Os rumores apontam para filmes novos dos chineses Jiang Wen e Wang Xiaoshuai, os coreanos Lee Chang-dong (de Oasis, lindo-pra-caralho) e Kim Ki-duk (que já tem nome, cartaz e trailer: chama-se Breath), o centésimo filme de Im Kwon-taek (Beyond The Years), Le Ballon Rouge de Hou Hsaio-hsien, My Blueberry Nights de Kar-wai (abrindo o festival, ainda por cima!), o último de Johnnie To intitulado The Sparrow, a ficção-cinetífica de Stepehen Chow (A Hope), Ploy de Pen-ek Ratanaruang e Blood Brothers, primeiro filme de Alexi Tan.

>> ENTRANDO EM CANNES 2: Cannes é meio o carnaval para o mundo do cinema - o ano só começa depois dele. Com a revelação do nome de Pascale Ferran como presidente do júri da seção Un Certain Regard, é um tiroteio de especulação que o artigo de Fabien Lemercier faz questão de sintetizar. Entre os títulos mais instigantes, Youth Without Youth de Francis Ford Coppola (a opinião inicial é que se trata de um filme "lento e difícil" - tá bom pra mim), Eastern Promises de David Cronenberg, The Man From London de Bela Tarr (finalmente terminado após o suicídio do produtor Humbert Balsan) e Kantoku Banzai de Takeshi Kitano, os novos de Denys Arcand (Age of Innocence) , Gus Van Sant (Paranoid Park), Alexandre Sokurov (Alexandra) e vários, vários outros possíveis candidatos. Clique no link ali de cima.

>> ENTRANDO EM CANNES 3 / GRINDHOUSE: Há uma grande possibilidade de que uma versão especial de Grindhouse seja exibida no festival francês. Gilles Jacob é um grande fã de Tarantino e Cannes nutre um grande afeto por seus alumni, o que já garantiria o lugar do longa dentro da programação, mas a história vai além e aqui a gente entra num spoiler sobre o filme (passe o cursor em cima do invisitext): tanto o filme de Rodriguez quanto o de Tarantino apresentam trechos de "rolos perdidos", ou seja, simulando a experiência de estarmos assistindo um rolo de película nas últimas, o filme dá um salto, personagens que se odiavam agora se amam e a história muda drasticamente - porém, Tarantino de fato RODOU o trecho dado como perdido (ao contrário de Rodriguez) e a exibição em Cannes seria em homenagem à tradição européia de respeitar a visão do diretor ao invés de jogos de censura ou de mercado (ano passado mesmo, a versão real de "Southland Tales" foi exibida em Cannes e parece que nunca mais será vista) fim de spoiler.

>> Já que estamos falando em Grindhouse, uma enxurrada de links para você se interar no assunto:
- Leia a versão resumida do livro Grindhouse: The Forbidden World of "Adults Only" Cinema de Eddie Muller no Greencine (até agora são apenas 5 capítulos> 1, 2, 3, 4 e 5)
- Matt Bradshaw no Cinematical: Meus Filmes Grindhouse Favoritos. Vi só 3 de 7 (Aniversário Macabro, Ilsa, She-Wolf of the SS e Holocausto Canibal) ... tô maus...

>> Continuando a leitura: Especial do jornal britânico The Guardian: World Cinema Special por Hannah McGill, diretora do Festival de Cinema de Edinburgh. Anexo segue um cinemapa em PDF por Andrew Pulver: quais países tem revelado os diretores mais hypados dos últimos anos.

>> As 20 Melhores Fantasias de FX Prático do Cinema me relembrou por que não gosto de listas em primeiro lugar: apesar de ótimas menções a Hex de Viagem ao Mundo dos Sonhos, Howard de Howard, O Super-Herói e um primeiro lugar pra lá de justo, outros como Pizza The Hut de S.O.S. Tem Um Louco Solto no Espaço e Golgothan de Dogma roubam os lugares de clássicos como Hoggle E Ludo de Labirinto - A Magia do Tempo, o Senhor das Trevas (Tim Curry) de A Lenda ou o Fauno de O Labirinto do Fauno.

Dicas de vídeos online: PRÉVIA EXCLUSIVA: um dos FAUX TRAILERS de GRINDHOUSE na IGN - esse é Thanskgiving de Eli Roth Amei, amei, amei - não é a toa que estão insistindo para que Roth o desenvolva de verdade num longa-metragem.

>> Paul Rudd e Michael Showalter reencenam as cenas cortadas de Lily Tomlin em I Heart Huckabees. Por que Paul Rudd não se tornou um astro da comédia ainda é além da compreensão humana.

>> Cenas dos bastidores de 007 - Viva e Deixe Morrer, na cena em que James Bond salta sobre crocodilos. Dica: se você vai repetir takes, faça de modo que os crocodilos não possam prever o comportamento do que lhes servirá de delicioso jantar.

>> Somente a Internet poderia juntar o vídeo viral do Little Superstar com o tiozinho do pornô Ron Jeremy. Resultado: o melhor comercial de todos os tempos.

>> Mais lista: as 10 melhores montagens musicais dos filmes dos anos 80.

>> E o meu vídeo favorito: três segundos para você adivinhar qual país do mundo televisa uma competição de abdominais entre um casal formado por um buldogue e um macaco contra um grupo de alunos do primário.
  Bernardo Krivochein    sexta-feira, março 30, 2007
 
 
[^] ir para o topo
INDIE :: Mostra de Cinema Mundial

Zeta Filmes | INDIE FESTIVAL | 
::: visite o web-site do indie 2006
     + Zeta Filmes
     + Indie - Mostra de Cinema Mundial
     + Fluxus
     + New Directors New Films
     + Plexifilm
     + IndieWIRE
     + Le Cube
     + Jonas Mekas
     + Miranda July
     + Cao Guimarães
     + Moira Hahn
     + Roberto Bellini
     + Gisela Motta&Leandro Lima
     + Howie Tsui
     + Motomichi
     + CarlosMagno Rodrigues
     + Ain´t It Cool News
     + Midnight Eye
     + Twitch Film
     + Blog Ilustrada no Cinema
     + Kofic
     + Anthony Kaufman´s Blog
     + Sundance Film Fest
     + Centre Pompidou
     + Pocket Film Festival
     + Blog do Itaulab
     + Rotterdam Film Festival
     + MovieMobz
     + Cinemateca Francesa
     + Unifrance
     + Fundação Japão
::: edições anteriores
     + 2006
::: últimos posts
+  "Na Cama" de novo diretor chileno É sempre bom...
+  New Directors/New Films 2007 E não só de filme...
+  New York Underground Film Fest começa hoje apres...
+  Éste no es Benicio x_d
+  Falando de cinema, brincando de cinema Você fala...
+ Recap Fest 21/3 >> Antes a gente noticiou que Ala...
+ Um filme perdido parte II: HIM de Ed D. Louie Num...
+  Quem se interessa por cinema de vanguarda e todas...
+  G&G A dupla Gilbert and George permanece ativa....
+  Made in Brasil Havia algo de despretensioso e i...
::: arquivos
 
    Este blog é escrito por:
     + Daniella Azzi
     + Francesca Azzi
     + Fale Conosco