blogINDIE 2006



Sundance 07: "The Signal" torna-se a sensação do festival

"'The Signal' é a grande descoberta do Sundance Film Festival [...] O fator de escatologia supera a todos os limites [...] Este filme será um estouro. Marque o que eu digo. Ele está destinado a se tornar um clássico cult [...]"
Quint, para o Ain't It Cool News

Nós já tínhamos destacado "The Signal" como um dos títulos mais curiosos da edição de Sundance este ano, mas isso era na teoria. Na prática, a sessão da meia-noite de segunda-feira na qual foi exibida o marcou como "fenomenal", isso num ano de filmes sobre vaginas dentatas e zoofilia.

Trazendo elementos de "Videodrome" e de "Cell" de Stephen King, o texto do colaborador do site americano traz mais detalhes sobre o fio condutor da história: Mya Denton (Anessa Ramsey) está colocando chifres no marido Lewis (AJ Bowen) com Ben (Justin Welborn), mas ela é temerosa demais para terminar o casamento. Porém, um sinal está sendo misteriosamente emitido pela TV, afetando as linhas de telefones móveis e fixos. Caso alguém seja exposto ao sinal por muito tempo, instintos psicopatas afloram no indivíduo. Mya corre para casa e tenta evitar que seu marido não se vicie na transmissão. Enquanto isso, a cidade vai à loucura com uma interminável onda de assassinatos grotescos.

Cada um dos três diretores de "The Signal" (Dan Brush, David Bruckner e Jacob Gentry) se encarregou de um dos três fragmentos que compõem o longa, contado a partir da perspectiva dos três personagens principais. Ao contrário das expectativas, o ritmo do longa é fluido e uniforme, segundo membros da animada platéia que também elogiou o modo como a produção lidou criativamente com os limites orçamentários. 2007 acaba de ganhar mais um filme para se aguardar ansiosamente.

Para quem desejar apreciar um filme nesse mesmo estilo (supostamente), deve checar "The Wind", filme indiezaço de terror de 2000, um dos primeiros da onda digital nos EUA. No filme de Michael Mongillo, um vento estranho causa psicopatia a um grupo de universitários. As coisas terminam, como dizer... nada bem. Filme pequeno, comedido, insatisfatório num todo, mas bem curioso.

Site ofical de "The Signal"
Entrevista com o diretor Jacob Gentry (Bloody Disgusting)
Entrevista com o diretor Dan Bush (Bloody Disgusting)
Crítica de Quint para Aint It Cool News
  Bernardo Krivochein    terça-feira, janeiro 23, 2007
 
 
[^] ir para o topo
INDIE :: Mostra de Cinema Mundial

Zeta Filmes | INDIE FESTIVAL | 
::: visite o web-site do indie 2006
     + Zeta Filmes
     + Indie - Mostra de Cinema Mundial
     + Fluxus
     + New Directors New Films
     + Plexifilm
     + IndieWIRE
     + Le Cube
     + Jonas Mekas
     + Miranda July
     + Cao Guimarães
     + Moira Hahn
     + Roberto Bellini
     + Gisela Motta&Leandro Lima
     + Howie Tsui
     + Motomichi
     + CarlosMagno Rodrigues
     + Ain´t It Cool News
     + Midnight Eye
     + Twitch Film
     + Blog Ilustrada no Cinema
     + Kofic
     + Anthony Kaufman´s Blog
     + Sundance Film Fest
     + Centre Pompidou
     + Pocket Film Festival
     + Blog do Itaulab
     + Rotterdam Film Festival
     + MovieMobz
     + Cinemateca Francesa
     + Unifrance
     + Fundação Japão
::: edições anteriores
     + 2006
::: últimos posts
+  Sundance 07: Sonny Saito pressionado durante a re...
+  Asfalto Vermelho: O caso Eric Red Era muito depo...
+ CCBB: Programação das Mostras de Cinema & Vídeo 20...
+ "Eu Não Quero Dormir Sozinho" e você? Quando me...
+  Atriz da série "Cream Lemon" brutalmente assassin...
+ Para quem tinha alguma dúvida de que "The Host" é ...
+  Descendo a Estrada Zyzzyx: como a pior bilheteria...
+  Vigiando os Festivais: Assis em Rotterdam, 7 bras...
+ "O Sacrifício" é o melhor filme do ano fonte: enno...
+  Quem quer ver um homem ter o cólon perfurado pelo...
::: arquivos
 
    Este blog é escrito por:
     + Daniella Azzi
     + Francesca Azzi
     + Fale Conosco